Fernando Lucas Martins

De Grêmiopédia, a enciclopédia do Grêmio
Ir para: navegação, pesquisa

Fernando
Fernando
Divulgação
Informações pessoais
Nome completo Fernando Lucas Martins
Data de nasc. 03 de março de 1992 (28 anos)
Local de nasc. Erechim-RS, BRA
Nacionalidade Brasil
Informações profissionais
Função Volante
Registro CBF 293957
Altura 1,75m
Destro
Funções
Jogador
Jogador
Treinador
Treinador
Árbitro
Árbitro
Como jogador do Grêmio
Jogos Gols Média
144 11 0.08
  • A estatística pode estar incompleta.
Categorias de base
Anos Clubes
2001-2009 Brasil Grêmio
Clubes profissionais
Anos Clubes
2009-2013 Brasil Grêmio
2013-2015 Ucrânia Shakhtar Donetsk
2015-2016 Itália Sampdoria
2016-2019 Rússia Spartak Moscou
2019-atual China Beijing Guoan
Seleção nacional de base
Anos Seleção Jogos (gols)
2011-2011 Brasil Brasil (Sub-20)       
Seleção nacional
Anos Seleção Jogos (gols)
2012-2013 Brasil Brasil       

Fernando Lucas Martins, também conhecido como Fernando (Erechim-RS, BRA, 03 de março de 1992).

Icone Livro.png História

Fernando começou jogando nas categorias de base do Juventude, de onde se transferiu para as categorias de base do Grêmio. Subiu para o elenco principal após ser Campeão Brasileiro Sub-20 de 2009 pelo Grêmio. Foi apontado como um dos principais jogadores da conquista. Desde cedo era notório seu desenvolvimento nas competições de base do Tricolor, destacando-se pela marcação forte, chute potente e preciso, e boa saída de jogo. É especialista em cobranças de falta.

Grêmio

No dia 28 de junho de 2009 fez sua estreia nos profissionais pelo Campeonato Brasileiro, entrando no segundo tempo no lugar de Hélder. A partida foi contra o Sport e terminou 3 a 1 para a equipe pernambucana, na Ilha do Retiro. Este foi seu único jogo neste ano. Em 2010, com a contratação do novo treinador, Silas, Fernando recebeu mais oportunidades, e marcou seu primeiro gol como profissional na vitória por 3-1 contra o Inter de Santa Maria, válido pela 3ª rodada do segundo turno do Campeonato Gaúcho, competição vencida pelo Grêmio. A temporada de 2011 começou de forma diferente para o jovem volante, de 16 de janeiro a 12 de fevereiro, Fernando participou da conquista do Campeonato Sul-Americano de Futebol Sub-20 de 2011, sendo titular e destaque na campanha. Na volta para Porto Alegre acabou ficando na reserva dos experientes Fábio Rochemback e Adílson, mas, mesmo sendo reserva, participou de 4 jogos da Libertadores. No Campeonato Brasileiro, sob comando do treinador Renato Portaluppi, Fernando recebeu poucas oportunidades. Com a demissão de Renato Portaluppi, o Grêmio apostou no inexperiente Julinho Camargo, porém, o novo treinador fica apenas um mês no comando e dá lugar ao veterano Celso Roth. Fernando, que havia voltado da conquista do Campeonato Mundial de Futebol Sub-20 de 2011, mais uma vez como destaque, recebe a chance para ser titular no clássico Grenal, válido pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Grêmio vence o jogo por 2x1 e Fernando, a partir deste jogo, ganha a posição de Adílson. Em 2012, destacou-se como um volante de muita marcação e de muita confiança do técnico Vanderlei Luxemburgo, fazendo dupla de volantes com o Souza, sendo apontado como um dos principais jogadores da equipe gaúcha, que terminou o Brasileirão 2012 na 3ª colocação, garantindo a participação na Libertadores 2013. Fernando terminou o ano marcando 6 gols, sendo 2 em cobranças de falta. Com grandes atuações em 2013 pelo Grêmio e frequentes convocações para a Seleção Brasileira, grandes clubes europeus demonstraram interesse no jovem volante.

Shakhtar Donetsk

Foi vendido por 10 milhões de Euros (31,5 milhões de reais na cotação da época), assinando contrato de 5 anos com a equipe ucraniana.

Sampdoria

Em 2015 acertou sua ida à Sampdoria, por 9 milhões de Euros.

Spartak Moscou

Foi vendido para o Spartak Moscou por 12 milhões de Euros, onde assinou contrato até 2021.

Seleção Brasileira

Com boa fase no Grêmio, a convocação de Fernando para a Seleção Brasileira foi natural, sendo convocado por Mano Menezes para o Superclássico 2012 contra a Argentina. Acabou ficando no banco na partida de ida, mas, para a partida de volta em Buenos Aires, Mano Menezes não convocou jogadores Grêmio e São Paulo, à época únicas equipes brasileiras na Copa Sul Americana. Menos de um mês depois, foi convocado para os amistosos contra o Iraque e o Japão, e foi contra a Seleção Iraquiana que fez sua estreia, entrando no lugar de Paulinho. Na partida contra o Japão acabou não entrando. Com a troca de técnico na Seleção Brasileira, Fernando voltou a ser convocado para os dois jogos mais importantes antes da convocação para a Copa das Confederações de 2013, contra as seleções da Itália e Rússia. Atuando os 90 minutos nas duas partidas e recebendo elogios não apenas do treinador atual {Luiz Felipe Scolari, mas também da mídia, inclusive estrangeira.

Títulos

Grêmio
Shakhtar Donetsk
  • Ucrânia Campeonato Ucraniano: 2013–2014
  • Ucrânia Supercopa da Ucrânia: 2014
Spartak Moscou
  • Rússia Campeonato Russo: 2016–2017
  • Rússia Supercopa da Rússia: 2017
Seleção Brasileira
  • Bandeiras da América do Sul.gif Campeonato Sul-Americano de Futebol Sub-15: 2007
  • Bandeiras da América do Sul.gif Campeonato Sul-Americano de Futebol Sub-17: 2009
  • Bandeiras da América do Sul.gif Campeonato Sul-Americano de Futebol Sub-20: 2011
  • Campeonato Mundial de Futebol Sub-20: 2011
  • Superclássico das Américas: 2012
  • Copa das Confederações FIFA: 2013

Prêmios individuais

Banco de dadosEstatística como jogador do Grêmio

GRÊMIO Jogos Vitórias Empates Derrotas Gols pró Gols contra Saldo de gols Aproveitamento
Mandante
68
48
9
11
124
47
77
75%
Visitante
76
30
17
29
113
109
4
46.9%
Total
144
78
26
40
237
156
81
60.2%

A estatística está em processo de contagem no Banco de Dados, e pode sofrer alterações. Quando estiver completa, esta mensagem será suprimida.

Banco de dadosPartidas como jogador do Grêmio

Estreia
Sport 3 x 1 Grêmio - 28/06/2009
Último Jogo
Grêmio 2 x 0 Náutico - 26/05/2013


Banco de dados.png

Referências