Mário Jardel Almeida Ribeiro

De Grêmiopédia, a enciclopédia do Grêmio
Ir para: navegação, pesquisa

Jardel
Jardel
Informações pessoais
Nome completo Mário Jardel Almeida Ribeiro
Data de nasc. 18 de setembro de 1973 (45 anos)
Local de nasc. Fortaleza (CE) Ceará, Brasil
Altura 1,88 m
Peso 89 kg
Apelido Super Mário, Jardelão"
Informações profissionais
Período em atividade 1990-2011 (21 anos)
Clube atual Aposentado
Posição Atacante
Números no Grêmio como Jogador
Jogos Gols Média
1 0 0
  • A estatística pode estar incompleta.
Clubes de juventude
1990
19911992
Ceará Ferroviário
Rio de Janeiro Vasco da Gama
Clubes profissionais
Anos Clubes
19921994
19951996
19962000
20002001
20012003
20032004
2004
2005
20052006
2006
2007
20072008
2008
2008
2009
2009
2010
2010
2011
2011
Brasil Vasco da Gama
Brasil Grêmio
Portugal Porto
Turquia Galatasaray
Portugal Sporting
Inglaterra Bolton Wanderers
Itália Ancona (emp.)
Argentina Newell's Old Boys
Espanha Alavés
Brasil Goiás
Portugal Beira-Mar
Chipre Anorthosis
Áustria United Jets
Brasil Criciúma
Brasil Ferroviário
Brasil América (CE)
Brasil Flamengo (PI)
Bulgária Cherno More
Brasil Rio Negro-AM
Arábia Saudita Al-Taawon
Seleção nacional
1993
19962001
Brasil Brasil Sub-20
Brasil Brasil
0001 0000(0)
0010 0000(1)



Mário Jardel Almeida Ribeiro, mais conhecido como Jardel ou ainda como Mário Jardel, (Fortaleza-CE, 18 de setembro de 1973), foi um futebolista brasileiro que atuava como atacante.

O jogador

Jardel começou sua carreira no Ferroviário do Ceará, onde chamou a atenção do Vasco, clube que o contratou. Ganhou vários títulos pela categoria de base do Vasco, bem como dois títulos cariocas como profissional em 1993 e 1994. Por tais feitos, despertou o interesse do Grêmio, que o contratou por empréstimo em 1995.

No Grêmio

Em 1995, o Grêmio montou um dos melhores time da história do clube, sob o comando do técnico Luiz Felipe Scolari, teve em seu ataque uma dupla muito eficiente com Paulo Nunes e Jardel, com a qual conquistou a Copa Libertadores da América de 1995, sendo Jardel o artilheiro daquela edição. Ainda aquele ano, o Imortal seria vice-campeão do Mundial de Clubes, perdendo o título para o Ajax dos Países Baixos, nos pênaltis.

Em 1996 o Porto de Portugal buscou junto ao Vasco sua contratação por US$ 1.500.000,00, mas, em respeito a um acordo firmado entre Eurico Miranda, presidente do Vasco, e Fábio Koff, presidente do Grêmio, a equipe cruzmaltina manteve a palavra com o Imortal, garantindo a venda do jogador por US$ 1.000.000,00 para o Tricolor Gaúcho [1]. A equipe do Porto não desistiu da contratação e acabou adquirindo Jardel por US$ 1.900.000,00. Antes de sair do Grêmio, Jardel levou o Imortal ao bi-campeonato gaúcho com duas atuações de gala frente ao Juventude.

Na Europa

Atuando pelo Porto de Portugal, manteve seu nível de grande goleador quando foi o principal artilheiro da Europa nos anos de 1997 e 1999, ganhando a Chuteira de Ouro e a de bronze em 2000. No campeonato português foi artilheiro por quatros vezes em 1996/97 (30 gols), 1997/98 (26 gols), 1998/99 (36 gols) e 1999/00 (38 gols). Ainda pelo Porto foi tri-campeão português de 1996/97,1997/98 e 1998/99 e bi-campeão da Taça de Portugal em 1997/98 e 1999/00. Ainda conquistou a Supertaça de Portugal de 1996/97.

Na temporada 2000/2001 foi transferido para o Galatasaray da Turquia onde foi vice-campeão turco e campeão da Supercopa da UEFA de 2000 batendo o poderoso Real Madrid de Casillas, Roberto Carlos, Figo e Raúl pelo placar de 2x1, com dois gols de Jardel.

Sua passagem pelo futebol turco foi curta e em 2001 regressou para Portugal, mas desta vez jogando pelo Sporting. Manteve seu grande nível tornando-se campeão português em 2001/02 e artilheiro com 42 gols. Na mesma temporada foi campeão da Taça de Portugal marcando o gol na finalíssima.

Outros clubes

A partir de 2003 seu futebol não se desenvolveu de forma plena, passando por diversos clubes sem repetir o mesmo sucesso. Teve passagens pelo futebol da Inglaterra (Bolton), Itália (Ancona), Palmeiras, Newell's Old Boys, Deportivo Alavés da Espanha, Nancy da França, Ankaraspor da Turquia, Goiás, Anarthosis do Chipre, Beira-Mar de Portugal e Criciúma e etc.

Seleção Brasileira

Jardel participou do Mundial Sub-21 na Austrália com a Seleção Brasileira, e sagrou-se campeão. Em 2001, estava na equipe principal que disputou a Copa América.

Aposentadoria

Jardel se aposentou em 2011. Seu último clube foi o Al-Taawon, da Arábia Saudita.

Títulos

Grêmio
Vasco
  • Campeonato Carioca: 1992, 1993 e 1994
Porto
  • Campeonato Português: 1996/97, 1997/98 e 1998/99
  • Taça de Portugal: 1997/98 e 1999/00
  • Supertaça de Portugal: 1996/97, 1997/98 e 1998/99
Galatasaray
  • Supercopa da UEFA: 2000
  • Copa da Turquia: 2000
Sporting
  • Campeonato Português: 2001/02
  • Taça de Portugal: 2001/02
Newell' Old Boys
  • Campeonato Argentino: 2004
Goiás
  • Campeonato Goiano: 2006
Anarthosis Famagusta
  • Copa de Chipre: 2007
  • Supercopa de Chipre: 2007

Prêmios individuais

  • IFFHS - Maior goleador do Mundo: 1999 e 2002
  • Chuteira de Ouro da UEFA - Maior goleador da Europa: 1999, 2002
  • Chuteira de Prata da UEFA: 1997
  • Chuteira de Bronze da UEFA: 2000
  • Bola de Ouro de Portugal: 1996/1997, 1997/1998
  • Melhor jogador do Campeonato Português: 1996/1997, 1998/1999, 2001/2002

Artilharia

  • Copa Libertadores de 1995
  • Liga dos Campeões da UEFA: 1999/2000 e vice-artilheiro em 2000/2001 e 2001/2002
  • Campeonato Português: 1996/1997, 1997/1998, 1998/1999, 1999/2000 e 2001/2002
  • Copa de Portugal: 1997-98, 1999-00 e 2001-02

Confira também

Referências