Aparício Viana e Silva

De Grêmiopédia, a enciclopédia do Grêmio
Ir para: navegação, pesquisa

Aparício Viana
Aparício Viana
Foto: Acervo de Douglas Rambor
Informações pessoais
Nome completo Aparício Viana e Silva
Data de nasc. 8 de julho de 1916 (103 anos)
Local de nasc. Taquari (RS), Brasil
Nacionalidade Brasileiro
Falecido em 22 de fevereiro de 1996 (79 anos)
Local da morte Porto Alegre (RS), Brasil
Apelido Apa / Coca-Cola / Baixinho
Informações profissionais
Função Treinador
Números no Grêmio como Jogador
Jogos Gols Média
  • Não atuou no Grêmio como jogador.
Números no Grêmio como Treinador
Jogos Vitórias Empates Derrotas Aproveitamento
39 23               3               13 61.5%
  • A estatística pode estar incompleta.
Times/Equipes que treinou
Anos Clubes
1947-1948
1949-1951
1952
1952-1953
1954-1955
1955-1956
1956-1957
1961
1964-1965
1965
1970
1972
1976
Força e Luz
Grêmio (Juvenil)
Força e Luz
Grêmio
Nacional AC
Cruzeiro-RS
Caxias
Cruzeiro-RS
Grêmio (Juvenil)
Cruzeiro-RS
Seleção Brasileira (Aux.)
Seleção Gaúcha
Gimnasia y Esgrima

Aparício Viana e Silva (Taquari (RS), 8 de julho de 1916 - Porto Alegre (RS), 22 de fevereiro de 1996), foi um jogador, treinador, árbitro e cronista esportivo brasileiro que foi técnico do Grêmio nas décadas de 40, 50 e 60, em categorias e momentos distintos.

Publicações

Enciclopédia do Futebol Gaúcho – Vol I. - Ídolos e Craques

Bonachão, calmo, sereno, sabia como poucos lidar com os jogadores. Bem humorado foi um treinador não afeito a estratégias táticas. Antes de ser treinador, foi árbitro. Era disciplinador e brabo, quando o jogo exigia. Nos jogos calmos, apitava brincando com os jogadores. Arbitrou o campeonato gaúcho e o pernambucano. Foi jogador, sem brilho, do Eberle de Caxias e cronista esportivo nos jornais de Porto Alegre. Durante os anos 60 e 70, foi treinador oficial da Seleção Gaúcha. Treinou várias equipes, como o Grêmio, (categoria juvenil e profissional), Cruzeiro, São José, Nacional, Força e Luz (duas vezes vice-campeão metropolitano, em 1947 e 1948), Juventude, Flamengo de Caxias, São Paulo de Rio Grande, Internacional de Lages, (campeão catarinense), 14 de Julho de Passo Fundo, XV de Novembro de Jaú, Gimnásia y Esgrima de Jujuy e Tucumán. Foi assessor do técnico João Saldanha, na Seleção Brasileira, em 1969 e 1970, quando deixou o cargo junto com toda a comissão técnica. Seu irmão Arthur Viana e Silva, também foi treinador.

  • DAMIAN, Marco Antonio & FREITAS, César. Enciclopédia do Futebol Gaúcho – Vol I. - Ídolos e Craques. Passo Fundo: Editora Passografic, 2009, 336 p. ISBN 978-85-61035-53-2

Referências

[1]

  1. Agradecemos ao torcedor do Grêmio e pesquisador esportivo Douglas Rambor, por informações contidas nesse artigo, que permitiram recuperar parte importante da história do Grêmio.