Evaristo de Macedo Filho

De Grêmiopédia, a enciclopédia do Grêmio
Ir para: navegação, pesquisa

Evaristo de Macedo
Evaristo de Macedo Filho Treinador.jpg
Informações pessoais
Nome completo Evaristo de Macedo Filho
Data de nasc. 22 de junho de 1933 (86 anos)
Local de nasc. Rio de Janeiro (RJ), Brasil Brasil
Informações profissionais
Posição Ex-treinador e atacante
Números no Grêmio como Jogador
Jogos Gols Média
  • Não atuou no Grêmio como jogador.
Números no Grêmio como Treinador
Jogos Vitórias Empates Derrotas Aproveitamento
107 52               36               19 59.8%
  • A estatística pode estar incompleta.
Clubes profissionais
Anos Clubes
1950–1952
1953–1957
1957–1962
1962–1965
1965–1967
Brasil Madureira
Brasil Flamengo
Espanha Barcelona
Espanha Real Madrid
Brasil Flamengo
Seleção nacional
1955–1957 Brasil Brasil 0014 000(8)
Times/Equipes que treinou
Anos Clubes
1970–1971
1971
1972
1973
1975
1977–1980
1981–1983
1985
1986
1987
1988–1989
1989
1989
1990
1990
1991–1992
1992
1993–1995
1995
1996
1997
1997
1998
1998-1999
1999
2000–2001
2002
2002–2003
2003
2003–2004
2005–2006
Brasil Bahia
Brasil Bangu
Brasil Santa Cruz
Brasil Bahia
Brasil Santa Cruz
Brasil Santa Cruz
Espanha Barcelona
Brasil Brasil
Brasil América-RJ
Iraque Iraque
Brasil Bahia
Brasil Guarani
Brasil Bahia
Brasil Fluminense
Brasil Grêmio
Brasil Cruzeiro
qatar Qatar
Brasil Flamengo
Brasil Bahia
Brasil Athletico Paranaense
Brasil Grêmio
Brasil Vitória
Brasil Bahia
Brasil Flamengo
Brasil Corinthians
Brasil Bahia
Brasil Vasco da Gama
Brasil Flamengo
Brasil Bahia
Brasil Vitória
Brasil Athletico Paranaense

Evaristo de Macedo Filho mais conhecido como Evaristo de Macedo (Rio de Janeiro, 22 de junho de 1933) é um ex-treinador e futebolista brasileiro que atuava como atacante.

É, até hoje, o único jogador a fazer uma "Manita" (ou seja, a marcar 5 gols numa mesma partida) com a camisa da Seleção Brasileira. Isso ocorreu em 1957, no Campeonato Sul-Americano daquele ano, quando o Brasil goleou a Colômbia por 9x0.


Treinador

Como técnico, ele dirigiu outras importantes equipes do futebol brasileiro. Algumas delas foram: Flamengo, Vasco da Gama, Bangu, Bahia, Grêmio, Corinthians, Santa Cruz, Vitória, Athletico Paranaense e Cruzeiro.

Como técnico da Seleção Brasileira, Evaristo de Macedo não teve muito sucesso. Dirigiu a equipe em 1985, pouco antes das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 1986, no México, levanto a seleção brasileira à Copa do Mundo FIFA de 1986 mas acabou sendo substituído no cargo por Telê Santana.

Foi o treinador do Iraque na Copa do Mundo de 1986.

Entretanto, três anos depois, ele viveu seu melhor momento como treinador e foi campeão brasileiro de 1988 dirigindo a equipe do Bahia. Ele dirigiu o time que foi campeão brasileiro. A equipe-base do Tricolor baiano tinha: Ronaldo; Tarantini, João Marcelo, Claudir e Paulo Róbson; Paulo Rodrigues, Gil, Bobô e Zé Carlos; Charles e Marquinhos.

No Grêmio, ele foi campeão da Copa do Brasil de 1997, justamente sobre o Flamengo, clube que defendeu como jogador.

Estilo

Segundo o 'Velho Lobo' Zagallo, que jogou ao lado de Evaristo no Flamengo, "Evaristo era o tipo do jogador que tinha vaga em qualquer time que escolhesse". E, revelado pela Madureira, o jogador escolheu defender apenas o Flamengo no Brasil. Ficou cinco anos na Gávea, de 1952 a 1957, o que bastou para se tornar um dos grandes ídolos da história do clube.

Além de conquistar a torcida feminina por sua beleza, Evaristo se destacava dentro de campo pela sua velocidade, visão de jogo, inteligência na criação de jogadas, e grande capacidade técnica. Com 19 anos, foi convocado para a Seleção Brasileira que disputou as Olimpíadas de Helsinque, em 1952, quando ainda atuava pelo juvenil do Madureira. No ano seguinte, começou sua trajetória vitoriosa no Fla.


Títulos

Como jogador

Flamengo
  • Taça dos Campeões Estaduais Rio-São Paulo: 1956
  • Campeonato Carioca: 1953, 1954, 1955 e 1965
Barcelona
  • Pequena Taça do Mundo: 1957
  • Taça das Cidades com Feiras: 1955-58, 1958-60
  • Copa del Rey: 1958-59
  • Campeonato Espanhol: 1958-59, 1959–60
  • Troféu Ramón de Carranza:1962
Real Madrid
  • Campeonato Espanhol: 1962-63, 1963–64,1964-65
Seleção Brasileira
  • Taça Oswaldo da Cruz: 1955,1956
  • Taça Bernardo O'Higgins: 1955
  • Campeonato Pan-Americano:1956
  • Copa Rocca:1957
  • Taça Atlantico: 1957

Como técnico

Santa Cruz
  • Campeonato Pernambucano: 1972, 1976, 1978 e 1979
  • Torneio do Inicio: 1972 e 1976
  • Super Campeonato Pernambucano: 1976
  • Fita Azul: 1980
Grêmio


Referências

Ligações externas