Troféu CEL de 1983

De Grêmiopédia, a enciclopédia do Grêmio
Ir para: navegação, pesquisa

Troféu CEL
Troféu CEL de 1983
Dados
Participantes 2
Organização Comisión Ejecutiva Hidroeléctrica del Río Lempa
Anfitrião El Salvador El Salvador
Período 4 de setembro4 de setembro
Gol(o)s 3
Partidas 1
Média 3,00 gol(o)s por partida
Campeão Brasil Grêmio (1º título)
Vice-campeão El Salvador Seleção Salvadorenha
Melhor marcador 1 gol:
Melhor ataque Brasil Grêmio – 2 gols
Melhor defesa Brasil Grêmio – 1 gols
Maior goleada
(diferença)
El Salvador Seleção Salvadorenha 1 – 2 Grêmio Brasil
Estádio Cuscatlán, San Salvador
4 de setembro, Jogo único
Público 15000
Média 15000 pessoas por partida

O Troféu CEL foi uma competição de futebol amistosa disputada no ano de 1983 com patrocínio da Comisión Ejecutiva Hidroeléctrica del Río Lempa. A competição foi vencida pelo Grêmio em jogo único contra a Seleção Salvadorenha.

Informações gerais

Fórmula de disputa

O torneio foi definido em jogo único. Os jogos foram realizados no Estádio Cuscatlán, sendo o vencedor declarado o campeão. A Copa contou supervisão, apoio e organização da federação local de El Salvador.

A história

Troféu da competição

As conquistas recentes do período de 1981 até 1983 despertavam interesse internacional do novo campeão da Copa Libertadores da América. O Grêmio, que havia vencido o Peñarol poucos dias antes, foi convidado para uma excursão à América Central em agosto e setembro de 83.

De fato a conquista da Libertadores pelo clube Tricolor não era o único motivo do convite. No período dos anos 80 o Grêmio adquiriu considerável prestígio na América como um todo, sendo as exitosas excursões do clube ao continente central em 1981 e 1982 fato determinante para o reconhecimento, respeito e consequente convite.

A exemplo do ocorrido em 1981, quando o Imortal conquistou a Copa El Salvador del Mundo em triangular com Vitória de Setúbal e a Seleção Salvadorenha, o Grêmio foi novamente convidado para a disputa de outro torneio, o Troféu CEL, patrocinado pela empresa de energia elétrica local, a Comisión Ejecutiva Hidroeléctrica del Río.

Antes de desembarcar em solo salvadorenho, o Tricolor passou pela Costa Rica e Guatemala, onde enfrentou as seleções olímpicas de ambos os países. O jogo contra a Seleção Salvadorenha ocorreu em 4 de setembro, na presença de 15 mil pessoas, com uma vitória pelo placar de 2x1 para o clube gaúcho.

Ao final do primeiro tempo, com 44 minutos de partida, Tonho Gil abria o marcador para o Tricolor, aos cinquenta e cinco foi a vez de Osvaldo ampliar. O placar foi modificado aos 61 minutos por intermédio de Mandingo Rivas, mas ao final o Grêmio conquistou mais um título em solo centro-americano, o terceiro de sua história.

Final

Troféu CEL Seleção Salvadorenha El Salvador 1 - 2 Brasil Grêmio Estádio Cuscatlán, San Salvador, ELS
domingo, 04 de setembro de 1983
18:30 (UTC-2)
Mandingo Gol marcado aos 61 minutos de jogo 61' Relatório
Gol marcado aos 44 minutos de jogo 44' Tonho Gil
Gol marcado aos 51 minutos de jogo 51' Osvaldo
Público: 15.000
Árbitro: El SalvadorELS Rolando Reyes Rojas



                     Cores do Seleção Salvadorenha Cores do Seleção Salvadorenha Cores do Seleção Salvadorenha                     
Cores do Seleção Salvadorenha
Cores do Seleção Salvadorenha
Seleção Salvadorenha
 
 
Formação: 4-4-2
GL   -    El Salvador  Munguía
DF   -    El Salvador  Rosales
DF   -    El Salvador  Jovel
DF   -    El Salvador  Fagoaga
DF   -    El Salvador  Perla
MC   -    El Salvador  Turcios
MC   -    El Salvador  Machado Substituído após a minutos de jogo a'
MC   -    El Salvador  Campos
MC   -    El Salvador  Hernández
AT   -    El Salvador  Mandingo Rivas
AT   -    El Salvador  Guerrero Substituído após b minutos de jogo b'
Treinador:
El Salvador  Salvador Rivera
Substituições:
JG   -    El Salvador  Escobar Entrou em campo após a minutos a'
JG   -    El Salvador  Berra Entrou em campo após b minutos b'
Cores do Grêmio Cores do Grêmio Cores do Grêmio
Cores do Grêmio
Cores do Grêmio
Grêmio
 
 
Formação: 4-4-2
GL   -    Brasil Mazarópi
DF   -    Brasil Raul
DF   -    Brasil Baidek
DF   -    Uruguai De León Capitão
DF   -    Brasil Casemiro
MC   -    Brasil Bonamigo
MC   -    Brasil Osvaldo
MC   -    Brasil Tonho Substituído após a minutos de jogo a'
MC   -    Brasil Tarciso
AT   -    Brasil Caio
AT   -    Brasil Lambari
Treinador:
Brasil Valdir Espinosa
Substituições:
JG   -    Brasil Robson Entrou em campo após a minutos a'

Artilheiros do Grêmio na competição

Gols Jogador
1 Brasil Osvaldo
Brasil Tonho Gil

Ver também

Referências