Copa do Brasil de Futebol de 2000

De Grêmiopédia, a enciclopédia do Grêmio
Ir para: navegação, pesquisa

XII Copa do Brasil
Copa do Brasil de 2000
Bandeira do Brasil.png
Dados
Participantes 89
Organização CBF
Local de disputa Brasil Brasil
Período 9 de março9 de julho
Gol(o)s 386
Partidas 129
Média 2,99 gol(o)s por partida
Campeão Minas Gerais Cruzeiro (3º título)
Vice-campeão São Paulo São Paulo
Melhor marcador Oséas (Cruzeiro) – 10 gols
Maior goleada
(diferença)
Interporto Tocantins 0 – 8 Bahia Bahia
Porto Nacional

15 de março, Primeira fase
Média pessoas por partida
◄◄ 1999 Soccerball.png 2001 ►►

A Copa do Brasil de 2000 foi a 12ª edição dessa competição brasileira de futebol organizada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). O Cruzeiro foi o campeão deste campeonato, depois de vencer o São Paulo na segunda partida da final, por 2 a 1. Foi o 3º título da equipe mineira, igualando-se ao Grêmio. O título levou a equipe mineira para a Copa Libertadores da América de 2001 como uma das representantes brasileiras.

Atlético Mineiro, Athletico Paranaense, Corinthians, Juventude e Palmeiras entraram na competição a partir das oitavas-de-final por estarem na Taça Libertadores da América de 2000.

Participantes

A competição de 2000 foi disputada por 69 equipes, é o maior número de participantes da história do torneio. Todos os clubes, exceto o Gama (que entrou com uma liminar na Justiça), foram convidados pela CBF. As cinco equipes brasileiras que disputam a Taça Libertadores deste ano (Atlético-MG, Athletico Paranaense, Corinthians, Juventude e Palmeiras) só entram nas oitavas-de-final. A competição, como nos anos anteriores, segue o sistema mata-mata, sendo que nas duas primeiras fases os times visitantes que vencerem por dois ou mais gols de diferença, não precisarão disputar a partida de volta. O campeão garante vaga na Taça Libertadores de 2001.

Regulamento

Na Primeira Fase e na Segunda Fase, caso a equipe visitante vencesse o primeiro jogo por dois ou mais gols de diferença, na casa do adversário, estaria classificada para a fase seguinte sem necessidade da realização da partida de volta.

Nas fases posteriores, os critérios de desempate eram:

  • 1 - Maior saldo de gols após as duas partidas;
  • 2 - Maior número de gols marcados no campo do adversário;
  • 3 - Cobrança de pênaltis.

Primeira Fase

Time 1   Total   Time 2   1º jogo   2º jogo
Ypiranga Rio Grande do Sul 1-3 Amazonas São Raimundo 0-0 1-3
Independência-AC Acre 2-1 Roraima Baré 1-0 1-1
Interporto Tocantins 0-8 Bahia Bahia 0-8 -
Ji-Paraná Rondônia 4-2 Acre Vasco-AC 2-1 2-1
Americano Rio de Janeiro 2-3 Paraná Paraná 1-1 1-2
Cruzeiro Minas Gerais 5-2 Distrito Federal Gama 1-1 4-1
Avaí Santa Catarina 2-4 Rio Grande do Sul Caxias 1-1 1-3
Sergipe Sergipe 3-2 Goiás Vila Nova 3-2 0-0
Pinheiros Rondônia 0-2 Bahia Vitória 0-2 -
ABC Rio Grande do Norte 3-1 Paraíba Treze 1-0 2-1
Confiança Sergipe 0-5 Goiás Goiás 0-1 0-4
Náutico Pernambuco 3-1 Alagoas CSA 2-1 1-0
Ceará Ceará 1-1 Maranhão Sampaio Corrêa 0-0 1-1
América-RN Rio Grande do Norte 1-1 Pernambuco Sport 0-1 1-0
Santos-AP Amapá 0-6 Pará Remo 0-0 6-0
Nacional-AM Amazonas 2-2 Amazonas Rio Negro 1-1 1-1
4 de Julho Piauí 3-4 Ceará Fortaleza 2-1 1-3
Maranhão Maranhão 2-1 Pará Paysandu 1-0 1-1
URT Minas Gerais 1-3 Rio de Janeiro Fluminense 1-1 0-2
Santa Cruz Pernambuco 2-1 Alagoas CRB 1-0 1-1

tabelas

  2ª Fase 3ª Fase Oitavas-de-final Quartas-de-final Semifinais Finais
                                                         
 Acre Independência-AC 1 1  
 Amazonas São Raimundo 1 6  
   Amazonas São Raimundo 0 3  
   Bahia Bahia 5 1  
 Bahia Bahia 0 5
 Rondônia Ji-Paraná 1 0  
   Bahia Bahia 1 1  
   Rio de Janeiro Flamengo 3 1  
 Piauí River-PI 1 0  
 Rio de Janeiro Flamengo 1 1  
   Rio de Janeiro Flamengo 2 3
   São Paulo Guarani 0 3  
 São Paulo Guarani 1 3
 Santa Catarina Figueirense 1 0  
   Rio de Janeiro Flamengo 0 2  
   São Paulo Santos 4 4  
 Bahia Poções 1 -  
 Paraná Coritiba 5 -  
   Paraná Coritiba 0 1
   São Paulo Santos 1 1  
 São Paulo Santos 3 -
 Espírito Santo Serra 0 -  
   São Paulo Santos 3 3
   Rio Grande do Sul Juventude 1 0  
 Rio Grande do Sul Juventude - -  
  - -  
   Rio Grande do Sul Juventude - -
    - -  
  - -
  - -  
   São Paulo Santos 0 2  
   Minas Gerais Cruzeiro 2 2  
 Paraná Athletico Paranaense - -  
  - -  
   Paraná Athletico Paranaense - -  
    - -  
  - -
  - -  
   Paraná Athletico Paranaense 1 2  
   Minas Gerais Cruzeiro 2 2  
 Paraná Paraná 0 -  
 Minas Gerais Cruzeiro 2 -  
   Minas Gerais Cruzeiro 3 6
   Rio Grande do Sul Caxias 1 1  
 Rio Grande do Sul Caxias 1 1
 Sergipe Sergipe 0 2  
   Minas Gerais Cruzeiro 3 0
   Rio de Janeiro Botafogo 2 0  
 São Paulo Botafogo-SP 2 0  
 Rio Grande do Sul Internacional 1 3  
   Rio Grande do Sul Internacional 2 1
   Rio de Janeiro Botafogo 2 1  
 Rio de Janeiro Botafogo 1 5
 Espírito Santo Rio Branco 1 0  
   Rio de Janeiro Botafogo 1 2
   São Paulo Corinthians 0 1  
 São Paulo Corinthians - -  
  - -  
   São Paulo Corinthians - -
    - -  
  - -
  - -  
   Minas Gerais Cruzeiro 0 2
     São Paulo São Paulo 0 1
 Bahia Vitória 0 1
 Rio Grande do Norte ABC 1 2  
   Rio Grande do Norte ABC 1 1  
   Goiás Goiás 1 1  
 Goiás Goiás 1 1
 Pernambuco Náutico 1 1  
   Rio Grande do Norte ABC 3 1  
   São Paulo Palmeiras 3 1  
 São Paulo Palmeiras - -  
  - -  
   São Paulo Palmeiras - -
    - -  
  - -
  - -  
   São Paulo Palmeiras 1 2  
   São Paulo São Paulo 2 3  
 Mato Grosso do Sul Ubiratan 1 0  
 Mato Grosso Sinop 1 5  
   Mato Grosso Sinop 0 0
   São Paulo São Paulo 4 2  
 São Paulo São Paulo 1 3
 Mato Grosso do Sul Comercial-MS 2 0  
   São Paulo São Paulo 3 3
   Rio Grande do Norte América-RN 1 2  
 Maranhão Sampaio Corrêa 1 2  
 Rio Grande do Norte América-RN 2 2  
   Rio Grande do Norte América-RN 0 6
   Pará Remo 2 2  
 Pará Remo 2 2
 Amazonas Nacional-AM 3 1  
   São Paulo São Paulo 3 3
 Minas Gerais Atlético Mineiro 0 3  
 Mato Grosso União Rondonópolis 0 -  
 Rio Grande do Sul Grêmio 4 -  
   Rio Grande do Sul Grêmio 0 1  
   São Paulo Portuguesa 0 4  
 São Paulo Portuguesa 2 4
 Minas Gerais América-MG 3 2  
   São Paulo Portuguesa 0 0  
   Minas Gerais Atlético Mineiro 0 0  
 Minas Gerais Atlético Mineiro - -  
  - -  
   Minas Gerais Atlético Mineiro - -
    - -  
  - -
  - -  
   Minas Gerais Atlético Mineiro 3 2
   Rio de Janeiro Fluminense 3 2  
 Ceará Fortaleza 1 0  
 Maranhão Maranhão 2 0  
   Maranhão Maranhão 1 0
   Rio de Janeiro Fluminense 1 6  
 Rio de Janeiro Fluminense 1 3
 Pernambuco Santa Cruz 1 2  
   Rio de Janeiro Fluminense 1 2
   Rio de Janeiro Vasco 1 2  
 Paraíba Botafogo-PB 1 -  
 Rio de Janeiro Vasco 3 -  
   Rio de Janeiro Vasco 1 1
   São Paulo Ponte Preta 1 0  
 São Paulo Ponte Preta 2 4
 Distrito Federal Dom Pedro 1 0  

Final

Copa do Brasil
Final - Jogo de ida
São Paulo São Paulo 0 – 0 Minas Gerais Cruzeiro Estádio do Morumbi, São Paulo
5 de julho de 2000


Público: -
Árbitro: GoiásBR-GO Antônio Pereira da Silva

Copa do Brasil
Final - Jogo de volta
Cruzeiro Minas Gerais 2 – 1 São Paulo São Paulo Estádio Mineirão, Belo Horizonte
9 de julho de 2000


Fábio Júnior Gol marcado aos 80 minutos de jogo 80'
Geovanni Gol marcado aos 90 minutos de jogo 90'
Gol marcado aos 66 minutos de jogo 66' Marcelinho Paraíba Público: 85.841
Árbitro: Rio Grande do SulBR-RS Carlos Eugênio Simon

Premiação

Copa do Brasil de 2000
Minas Gerais
Escudo Cruzeiro.png
Campeão
(3º título)

Referências