Artigo em destaque

De Grêmiopédia, a enciclopédia do Grêmio
Ir para: navegação, pesquisa

Abaixo, os artigos em destaque de cada dia do mês:

Dia 1 do mês

Deleonlibertadores.JPG

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, tinha como campeões os maiores times do continente, a citar Peñarol, Independiente, Estudiantes, Nacional-URU, Boca Juniors e Olimpia. Os brasileiros não tinha um grande rol de campeões, sendo somente Santos, Flamengo e Cruzeiro os times que, antes do Grêmio, levantaram a taça.

A competição era dominada por dois clubes, Independiente e Peñarol, sendo o primeiro 6 e o segundo 4 vezes campeão, seguido pela equipe argentina do Estudiantes de La Plata, com 3 conquistas e outros vários com 2 e 1 título, a citar importantes clubes como Nacional-URU e Boca Juniors, ambos com 2 taças. Por ironia do destino, o Grêmio viria a participar da copa de 83 com três dos cinco maiores clubes da competição, além do Flamengo de Zico, contra o qual havia perdido o polêmico Campeonato Brasileiro de 1982. (leia mais...)


Dia 2 do mês

Comemoração do tricampeonato em 2017.jpg

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, a competição teve ao longo de suas edições diversas formulas e participantes, sendo seus maiores campeões o Independiente, o Boca Juniors e o Peñarol, sendo que o país que mais detêm títulos da competição é a Argentina.

No ano de 2016 foi proposta uma reformulação na competição, seguindo padrões da Liga dos Campeões, onde a mesma se estenderia por mais tempo, essa reformulação entrou em vigor já no ano seguinte, fazendo com que a competição durasse praticamente o ano todo, de janeiro a novembro. Além de mais longa a competição passou a ter mais participantes, padronizações para procedimentos de jogo e estádios. Tudo isso para tornar-se mais rentável aos clubes participantes. Processo semelhante ao ocorrido na Europa, anos atrás. (leia mais...)


Dia 3 do mês

Deleonlibertadores.JPG

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, tinha como campeões os maiores times do continente, a citar Peñarol, Independiente, Estudiantes, Nacional-URU, Boca Juniors e Olimpia. Os brasileiros não tinha um grande rol de campeões, sendo somente Santos, Flamengo e Cruzeiro os times que, antes do Grêmio, levantaram a taça.

A competição era dominada por dois clubes, Independiente e Peñarol, sendo o primeiro 6 e o segundo 4 vezes campeão, seguido pela equipe argentina do Estudiantes de La Plata, com 3 conquistas e outros vários com 2 e 1 título, a citar importantes clubes como Nacional-URU e Boca Juniors, ambos com 2 taças. Por ironia do destino, o Grêmio viria a participar da copa de 83 com três dos cinco maiores clubes da competição, além do Flamengo de Zico, contra o qual havia perdido o polêmico Campeonato Brasileiro de 1982. (leia mais...)


Dia 4 do mês

Comemoração do tricampeonato em 2017.jpg

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, a competição teve ao longo de suas edições diversas formulas e participantes, sendo seus maiores campeões o Independiente, o Boca Juniors e o Peñarol, sendo que o país que mais detêm títulos da competição é a Argentina.

No ano de 2016 foi proposta uma reformulação na competição, seguindo padrões da Liga dos Campeões, onde a mesma se estenderia por mais tempo, essa reformulação entrou em vigor já no ano seguinte, fazendo com que a competição durasse praticamente o ano todo, de janeiro a novembro. Além de mais longa a competição passou a ter mais participantes, padronizações para procedimentos de jogo e estádios. Tudo isso para tornar-se mais rentável aos clubes participantes. Processo semelhante ao ocorrido na Europa, anos atrás. (leia mais...)


Dia 5 do mês

Deleonlibertadores.JPG

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, tinha como campeões os maiores times do continente, a citar Peñarol, Independiente, Estudiantes, Nacional-URU, Boca Juniors e Olimpia. Os brasileiros não tinha um grande rol de campeões, sendo somente Santos, Flamengo e Cruzeiro os times que, antes do Grêmio, levantaram a taça.

A competição era dominada por dois clubes, Independiente e Peñarol, sendo o primeiro 6 e o segundo 4 vezes campeão, seguido pela equipe argentina do Estudiantes de La Plata, com 3 conquistas e outros vários com 2 e 1 título, a citar importantes clubes como Nacional-URU e Boca Juniors, ambos com 2 taças. Por ironia do destino, o Grêmio viria a participar da copa de 83 com três dos cinco maiores clubes da competição, além do Flamengo de Zico, contra o qual havia perdido o polêmico Campeonato Brasileiro de 1982. (leia mais...)


Dia 6 do mês

Comemoração do tricampeonato em 2017.jpg

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, a competição teve ao longo de suas edições diversas formulas e participantes, sendo seus maiores campeões o Independiente, o Boca Juniors e o Peñarol, sendo que o país que mais detêm títulos da competição é a Argentina.

No ano de 2016 foi proposta uma reformulação na competição, seguindo padrões da Liga dos Campeões, onde a mesma se estenderia por mais tempo, essa reformulação entrou em vigor já no ano seguinte, fazendo com que a competição durasse praticamente o ano todo, de janeiro a novembro. Além de mais longa a competição passou a ter mais participantes, padronizações para procedimentos de jogo e estádios. Tudo isso para tornar-se mais rentável aos clubes participantes. Processo semelhante ao ocorrido na Europa, anos atrás. (leia mais...)


Dia 7 do mês

Deleonlibertadores.JPG

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, tinha como campeões os maiores times do continente, a citar Peñarol, Independiente, Estudiantes, Nacional-URU, Boca Juniors e Olimpia. Os brasileiros não tinha um grande rol de campeões, sendo somente Santos, Flamengo e Cruzeiro os times que, antes do Grêmio, levantaram a taça.

A competição era dominada por dois clubes, Independiente e Peñarol, sendo o primeiro 6 e o segundo 4 vezes campeão, seguido pela equipe argentina do Estudiantes de La Plata, com 3 conquistas e outros vários com 2 e 1 título, a citar importantes clubes como Nacional-URU e Boca Juniors, ambos com 2 taças. Por ironia do destino, o Grêmio viria a participar da copa de 83 com três dos cinco maiores clubes da competição, além do Flamengo de Zico, contra o qual havia perdido o polêmico Campeonato Brasileiro de 1982. (leia mais...)


Dia 8 do mês

Arena externa.jpg

A Arena do Grêmio é um estádio multiuso localizado na cidade de Porto Alegre, estado do Rio Grande do Sul, Brasil. É o atual estádio do Grêmio e terceira casa do Grêmio ao longo de sua história, em substituição ao Estádio Olímpico Monumental. Foi inaugurada em 8 de dezembro de 2012, em amistoso entre Grêmio e Hamburgo, partida que fez parte de um grande show de inauguração, que, além do jogo internacional, contou com a presença do grupo americano Blue Man Group, show de orquestra e presença de celebridades gaúchas e brasileiras, o que lhe rendeu o Prêmio da Associação Brasileira de Comunicação Empresarial na categoria Evento.

A grande obra foi avaliada em R$ 700 milhões, sendo o maior estádio do Sul do Brasil, sétimo maior estádio país em número de espectadores, 100º maior estádio do Mundo e a maior arena multiuso da América Latina. Foi considerada o melhor estádio privado no Brasil pela Revista Exame no ano de 2015; em votação aberta promovida pelo site polonês especializado em estádios Stadium DB.com, a Arena do Grêmio foi eleita (leia mais...)


Dia 9 do mês

Deleonlibertadores.JPG

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, tinha como campeões os maiores times do continente, a citar Peñarol, Independiente, Estudiantes, Nacional-URU, Boca Juniors e Olimpia. Os brasileiros não tinha um grande rol de campeões, sendo somente Santos, Flamengo e Cruzeiro os times que, antes do Grêmio, levantaram a taça.

A competição era dominada por dois clubes, Independiente e Peñarol, sendo o primeiro 6 e o segundo 4 vezes campeão, seguido pela equipe argentina do Estudiantes de La Plata, com 3 conquistas e outros vários com 2 e 1 título, a citar importantes clubes como Nacional-URU e Boca Juniors, ambos com 2 taças. Por ironia do destino, o Grêmio viria a participar da copa de 83 com três dos cinco maiores clubes da competição, além do Flamengo de Zico, contra o qual havia perdido o polêmico Campeonato Brasileiro de 1982. (leia mais...)


Dia 10 do mês

Comemoração do tricampeonato em 2017.jpg

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, a competição teve ao longo de suas edições diversas formulas e participantes, sendo seus maiores campeões o Independiente, o Boca Juniors e o Peñarol, sendo que o país que mais detêm títulos da competição é a Argentina.

No ano de 2016 foi proposta uma reformulação na competição, seguindo padrões da Liga dos Campeões, onde a mesma se estenderia por mais tempo, essa reformulação entrou em vigor já no ano seguinte, fazendo com que a competição durasse praticamente o ano todo, de janeiro a novembro. Além de mais longa a competição passou a ter mais participantes, padronizações para procedimentos de jogo e estádios. Tudo isso para tornar-se mais rentável aos clubes participantes. Processo semelhante ao ocorrido na Europa, anos atrás. (leia mais...)


Dia 11 do mês

De Leon

Iniciado no ano de 1960, o Mundial de Clubes foi a principal competição internacional de futebol acima da Liga dos Campeões da UEFA e da Copa Libertadores da América. Foi disputada até o ano de 2005, quando a competição foi incorporada ao Mundial de Clubes da FIFA, que entrou em acordo com as confederações continentais da Conmebol e UEFA.

A fórmula de disputa do torneio sofreu diversas modificações, inicialmente disputado em jogos de ida e volta nos estádios dos respectivos clubes participantes, com possibilidade de um terceiro jogo de desempate, a competição passou a adotar jogo único em campo neutro a partir de 1980, como forma de evitar a ocorrência de casos de violência, principalmente ocorridas nos estádios sul-americanos. (leia mais...)


Dia 12 do mês

Comemoração do tricampeonato em 2017.jpg

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, a competição teve ao longo de suas edições diversas formulas e participantes, sendo seus maiores campeões o Independiente, o Boca Juniors e o Peñarol, sendo que o país que mais detêm títulos da competição é a Argentina.

No ano de 2016 foi proposta uma reformulação na competição, seguindo padrões da Liga dos Campeões, onde a mesma se estenderia por mais tempo, essa reformulação entrou em vigor já no ano seguinte, fazendo com que a competição durasse praticamente o ano todo, de janeiro a novembro. Além de mais longa a competição passou a ter mais participantes, padronizações para procedimentos de jogo e estádios. Tudo isso para tornar-se mais rentável aos clubes participantes. Processo semelhante ao ocorrido na Europa, anos atrás. (leia mais...)


Dia 13 do mês

Deleonlibertadores.JPG

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, tinha como campeões os maiores times do continente, a citar Peñarol, Independiente, Estudiantes, Nacional-URU, Boca Juniors e Olimpia. Os brasileiros não tinha um grande rol de campeões, sendo somente Santos, Flamengo e Cruzeiro os times que, antes do Grêmio, levantaram a taça.

A competição era dominada por dois clubes, Independiente e Peñarol, sendo o primeiro 6 e o segundo 4 vezes campeão, seguido pela equipe argentina do Estudiantes de La Plata, com 3 conquistas e outros vários com 2 e 1 título, a citar importantes clubes como Nacional-URU e Boca Juniors, ambos com 2 taças. Por ironia do destino, o Grêmio viria a participar da copa de 83 com três dos cinco maiores clubes da competição, além do Flamengo de Zico, contra o qual havia perdido o polêmico Campeonato Brasileiro de 1982. (leia mais...)


Dia 14 do mês

Imagem em destaque - 11 de outubro.jpg

Com a fundação do Grêmio em 1903, se tornou necessária a construção de um local para abrigar os jogos do clube. Como a primeira partida do Imortal ocorreu apenas em 1904, a busca por um local acabou sendo adiada para o presente ano. No início de 1904 o Grêmio não possuía estádio, os treinos eram realizados na várzea do Rio Gravataí, na várzea da Redenção, no Morro da Polícia e no bairro Floresta, e os dois primeiros jogos aconteceram no campo do Fussball, no Velódromo da Blitz.

Visando ter sua sede própria, o Grêmio adquiriu por dez contos de réis uma área de terras que havia sido de propriedade de Laura Mostardeiro. O local era conhecido como Schützenverein Platz, no Bairro Moinhos de Vento, ao lado do que hoje é o Parcão em Porto Alegre. O terreno, localizado em frente a Sociedade dos Atiradores Alemães, foi adquirido por (leia mais...)


Dia 15 do mês

Deleonlibertadores.JPG

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, tinha como campeões os maiores times do continente, a citar Peñarol, Independiente, Estudiantes, Nacional-URU, Boca Juniors e Olimpia. Os brasileiros não tinha um grande rol de campeões, sendo somente Santos, Flamengo e Cruzeiro os times que, antes do Grêmio, levantaram a taça.

A competição era dominada por dois clubes, Independiente e Peñarol, sendo o primeiro 6 e o segundo 4 vezes campeão, seguido pela equipe argentina do Estudiantes de La Plata, com 3 conquistas e outros vários com 2 e 1 título, a citar importantes clubes como Nacional-URU e Boca Juniors, ambos com 2 taças. Por ironia do destino, o Grêmio viria a participar da copa de 83 com três dos cinco maiores clubes da competição, além do Flamengo de Zico, contra o qual havia perdido o polêmico Campeonato Brasileiro de 1982. (leia mais...)


Dia 16 do mês

Comemoração do tricampeonato em 2017.jpg

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, a competição teve ao longo de suas edições diversas formulas e participantes, sendo seus maiores campeões o Independiente, o Boca Juniors e o Peñarol, sendo que o país que mais detêm títulos da competição é a Argentina.

No ano de 2016 foi proposta uma reformulação na competição, seguindo padrões da Liga dos Campeões, onde a mesma se estenderia por mais tempo, essa reformulação entrou em vigor já no ano seguinte, fazendo com que a competição durasse praticamente o ano todo, de janeiro a novembro. Além de mais longa a competição passou a ter mais participantes, padronizações para procedimentos de jogo e estádios. Tudo isso para tornar-se mais rentável aos clubes participantes. Processo semelhante ao ocorrido na Europa, anos atrás. (leia mais...)


Dia 17 do mês

Deleonlibertadores.JPG

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, tinha como campeões os maiores times do continente, a citar Peñarol, Independiente, Estudiantes, Nacional-URU, Boca Juniors e Olimpia. Os brasileiros não tinha um grande rol de campeões, sendo somente Santos, Flamengo e Cruzeiro os times que, antes do Grêmio, levantaram a taça.

A competição era dominada por dois clubes, Independiente e Peñarol, sendo o primeiro 6 e o segundo 4 vezes campeão, seguido pela equipe argentina do Estudiantes de La Plata, com 3 conquistas e outros vários com 2 e 1 título, a citar importantes clubes como Nacional-URU e Boca Juniors, ambos com 2 taças. Por ironia do destino, o Grêmio viria a participar da copa de 83 com três dos cinco maiores clubes da competição, além do Flamengo de Zico, contra o qual havia perdido o polêmico Campeonato Brasileiro de 1982. (leia mais...)


Dia 18 do mês

Comemoração do tricampeonato em 2017.jpg

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, a competição teve ao longo de suas edições diversas formulas e participantes, sendo seus maiores campeões o Independiente, o Boca Juniors e o Peñarol, sendo que o país que mais detêm títulos da competição é a Argentina.

No ano de 2016 foi proposta uma reformulação na competição, seguindo padrões da Liga dos Campeões, onde a mesma se estenderia por mais tempo, essa reformulação entrou em vigor já no ano seguinte, fazendo com que a competição durasse praticamente o ano todo, de janeiro a novembro. Além de mais longa a competição passou a ter mais participantes, padronizações para procedimentos de jogo e estádios. Tudo isso para tornar-se mais rentável aos clubes participantes. Processo semelhante ao ocorrido na Europa, anos atrás. (leia mais...)


Dia 19 do mês

Deleonlibertadores.JPG

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, tinha como campeões os maiores times do continente, a citar Peñarol, Independiente, Estudiantes, Nacional-URU, Boca Juniors e Olimpia. Os brasileiros não tinha um grande rol de campeões, sendo somente Santos, Flamengo e Cruzeiro os times que, antes do Grêmio, levantaram a taça.

A competição era dominada por dois clubes, Independiente e Peñarol, sendo o primeiro 6 e o segundo 4 vezes campeão, seguido pela equipe argentina do Estudiantes de La Plata, com 3 conquistas e outros vários com 2 e 1 título, a citar importantes clubes como Nacional-URU e Boca Juniors, ambos com 2 taças. Por ironia do destino, o Grêmio viria a participar da copa de 83 com três dos cinco maiores clubes da competição, além do Flamengo de Zico, contra o qual havia perdido o polêmico Campeonato Brasileiro de 1982. (leia mais...)


Dia 20 do mês

Comemoração do tricampeonato em 2017.jpg

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, a competição teve ao longo de suas edições diversas formulas e participantes, sendo seus maiores campeões o Independiente, o Boca Juniors e o Peñarol, sendo que o país que mais detêm títulos da competição é a Argentina.

No ano de 2016 foi proposta uma reformulação na competição, seguindo padrões da Liga dos Campeões, onde a mesma se estenderia por mais tempo, essa reformulação entrou em vigor já no ano seguinte, fazendo com que a competição durasse praticamente o ano todo, de janeiro a novembro. Além de mais longa a competição passou a ter mais participantes, padronizações para procedimentos de jogo e estádios. Tudo isso para tornar-se mais rentável aos clubes participantes. Processo semelhante ao ocorrido na Europa, anos atrás. (leia mais...)


Dia 21 do mês

Deleonlibertadores.JPG

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, tinha como campeões os maiores times do continente, a citar Peñarol, Independiente, Estudiantes, Nacional-URU, Boca Juniors e Olimpia. Os brasileiros não tinha um grande rol de campeões, sendo somente Santos, Flamengo e Cruzeiro os times que, antes do Grêmio, levantaram a taça.

A competição era dominada por dois clubes, Independiente e Peñarol, sendo o primeiro 6 e o segundo 4 vezes campeão, seguido pela equipe argentina do Estudiantes de La Plata, com 3 conquistas e outros vários com 2 e 1 título, a citar importantes clubes como Nacional-URU e Boca Juniors, ambos com 2 taças. Por ironia do destino, o Grêmio viria a participar da copa de 83 com três dos cinco maiores clubes da competição, além do Flamengo de Zico, contra o qual havia perdido o polêmico Campeonato Brasileiro de 1982. (leia mais...)


Dia 22 do mês

Comemoração do tricampeonato em 2017.jpg

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, a competição teve ao longo de suas edições diversas formulas e participantes, sendo seus maiores campeões o Independiente, o Boca Juniors e o Peñarol, sendo que o país que mais detêm títulos da competição é a Argentina.

No ano de 2016 foi proposta uma reformulação na competição, seguindo padrões da Liga dos Campeões, onde a mesma se estenderia por mais tempo, essa reformulação entrou em vigor já no ano seguinte, fazendo com que a competição durasse praticamente o ano todo, de janeiro a novembro. Além de mais longa a competição passou a ter mais participantes, padronizações para procedimentos de jogo e estádios. Tudo isso para tornar-se mais rentável aos clubes participantes. Processo semelhante ao ocorrido na Europa, anos atrás. (leia mais...)


Dia 23 do mês

Imagem em destaque - 23 de agosto.jpg

Via Copa do Brasil chegava o Grêmio para a disputa do maior título das Américas, a Copa Libertadores era a competição mais cobiçada pelo clube gaúcho e, de quebra, dava o direito a disputar o Mundial de Clubes contra o campeão da Europa. O favorito naquele ano era o Palmeiras, a "Seleção Parmalat", como era chamada, era treinada pelo ex-técnico campeão do Mundo pelo Imortal, Valdir Espinosa, tinha Alex Alves, Roberto Carlos, Paulo Isidoro, Edmundo, Rivaldo e Cafú, somente citando alguns.

Na época o Palmeiras era patrocinado pela empresa Parmalat (a mesma que levou o Juventude de Caxias do Sul aos maiores títulos de sua história), tinha muito dinheiro e comprou o que de melhor existia no mercado, era um time para ser campeão de tudo. Além do Palmeiras, existiam outros rivais candidatos a taça (leia mais...)


Dia 24 do mês

De Leon

Iniciado no ano de 1960, o Mundial de Clubes foi a principal competição internacional de futebol acima da Liga dos Campeões da UEFA e da Copa Libertadores da América. Foi disputada até o ano de 2005, quando a competição foi incorporada ao Mundial de Clubes da FIFA, que entrou em acordo com as confederações continentais da Conmebol e UEFA.

A fórmula de disputa do torneio sofreu diversas modificações, inicialmente disputado em jogos de ida e volta nos estádios dos respectivos clubes participantes, com possibilidade de um terceiro jogo de desempate, a competição passou a adotar jogo único em campo neutro a partir de 1980, como forma de evitar a ocorrência de casos de violência, principalmente ocorridas nos estádios sul-americanos. (leia mais...)


Dia 25 do mês

Delegação gremista.

Em 1949 ainda havia o Campeonato Citadino, título que era também valorizado por todos os clubes participantes, em uma época em que o Campeonato Gaúcho, devido às dificuldades de deslocamento, era disputado por regiões. Aquele ano foi particularmente feliz para o Grêmio, que sagrou-se campeão em cima justamente do seu maior rival, o Internacional, Posteriormente campeão gaúcho.

Também foi o ano em que o tricolor realizou a sua primeira grande excursão internacional, disputando jogos contra selecionados da América Central. Mesmo apanhando muito, e sendo intimidados, os jogadores gremistas voltaram invictos, com importantes vitórias, sendo entusiasticamente recebidos pela população de Porto Alegre. Na bagagem além de fotos trouxe a Taça da Copa Presidente de la República de Costa Rica (leia mais...)


Dia 26 do mês

Arena externa.jpg

A Arena do Grêmio é um estádio multiuso localizado na cidade de Porto Alegre, estado do Rio Grande do Sul, Brasil. É o atual estádio do Grêmio e terceira casa do Grêmio ao longo de sua história, em substituição ao Estádio Olímpico Monumental. Foi inaugurada em 8 de dezembro de 2012, em amistoso entre Grêmio e Hamburgo, partida que fez parte de um grande show de inauguração, que, além do jogo internacional, contou com a presença do grupo americano Blue Man Group, show de orquestra e presença de celebridades gaúchas e brasileiras, o que lhe rendeu o Prêmio da Associação Brasileira de Comunicação Empresarial na categoria Evento.

A grande obra foi avaliada em R$ 700 milhões, sendo o maior estádio do Sul do Brasil, sétimo maior estádio país em número de espectadores, 100º maior estádio do Mundo e a maior arena multiuso da América Latina. Foi considerada o melhor estádio privado no Brasil pela Revista Exame no ano de 2015; em votação aberta promovida pelo site polonês especializado em estádios Stadium DB.com, a Arena do Grêmio foi eleita (leia mais...)


Dia 27 do mês

De Leon

Iniciado no ano de 1960, o Mundial de Clubes foi a principal competição internacional de futebol acima da Liga dos Campeões da UEFA e da Copa Libertadores da América. Foi disputada até o ano de 2005, quando a competição foi incorporada ao Mundial de Clubes da FIFA, que entrou em acordo com as confederações continentais da Conmebol e UEFA.

A fórmula de disputa do torneio sofreu diversas modificações, inicialmente disputado em jogos de ida e volta nos estádios dos respectivos clubes participantes, com possibilidade de um terceiro jogo de desempate, a competição passou a adotar jogo único em campo neutro a partir de 1980, como forma de evitar a ocorrência de casos de violência, principalmente ocorridas nos estádios sul-americanos. (leia mais...)


Dia 28 do mês

Deleonlibertadores.JPG

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, tinha como campeões os maiores times do continente, a citar Peñarol, Independiente, Estudiantes, Nacional-URU, Boca Juniors e Olimpia. Os brasileiros não tinha um grande rol de campeões, sendo somente Santos, Flamengo e Cruzeiro os times que, antes do Grêmio, levantaram a taça.

A competição era dominada por dois clubes, Independiente e Peñarol, sendo o primeiro 6 e o segundo 4 vezes campeão, seguido pela equipe argentina do Estudiantes de La Plata, com 3 conquistas e outros vários com 2 e 1 título, a citar importantes clubes como Nacional-URU e Boca Juniors, ambos com 2 taças. Por ironia do destino, o Grêmio viria a participar da copa de 83 com três dos cinco maiores clubes da competição, além do Flamengo de Zico, contra o qual havia perdido o polêmico Campeonato Brasileiro de 1982. (leia mais...)


Dia 29 do mês

Comemoração do tricampeonato em 2017.jpg

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, a competição teve ao longo de suas edições diversas formulas e participantes, sendo seus maiores campeões o Independiente, o Boca Juniors e o Peñarol, sendo que o país que mais detêm títulos da competição é a Argentina.

No ano de 2016 foi proposta uma reformulação na competição, seguindo padrões da Liga dos Campeões, onde a mesma se estenderia por mais tempo, essa reformulação entrou em vigor já no ano seguinte, fazendo com que a competição durasse praticamente o ano todo, de janeiro a novembro. Além de mais longa a competição passou a ter mais participantes, padronizações para procedimentos de jogo e estádios. Tudo isso para tornar-se mais rentável aos clubes participantes. Processo semelhante ao ocorrido na Europa, anos atrás. (leia mais...)


Dia 30 do mês

Imagem em destaque - 23 de agosto.jpg

Via Copa do Brasil chegava o Grêmio para a disputa do maior título das Américas, a Copa Libertadores era a competição mais cobiçada pelo clube gaúcho e, de quebra, dava o direito a disputar o Mundial de Clubes contra o campeão da Europa. O favorito naquele ano era o Palmeiras, a "Seleção Parmalat", como era chamada, era treinada pelo ex-técnico campeão do Mundo pelo Imortal, Valdir Espinosa, tinha Alex Alves, Roberto Carlos, Paulo Isidoro, Edmundo, Rivaldo e Cafú, somente citando alguns.

Na época o Palmeiras era patrocinado pela empresa Parmalat (a mesma que levou o Juventude de Caxias do Sul aos maiores títulos de sua história), tinha muito dinheiro e comprou o que de melhor existia no mercado, era um time para ser campeão de tudo. Além do Palmeiras, existiam outros rivais candidatos a taça (leia mais...)


Dia 31 do mês

Deleonlibertadores.JPG

Criada no ano de 1960, a Taça Libertadores da América, nome em homenagem aos principais líderes da independência das nações da América do Sul, tinha como campeões os maiores times do continente, a citar Peñarol, Independiente, Estudiantes, Nacional-URU, Boca Juniors e Olimpia. Os brasileiros não tinha um grande rol de campeões, sendo somente Santos, Flamengo e Cruzeiro os times que, antes do Grêmio, levantaram a taça.

A competição era dominada por dois clubes, Independiente e Peñarol, sendo o primeiro 6 e o segundo 4 vezes campeão, seguido pela equipe argentina do Estudiantes de La Plata, com 3 conquistas e outros vários com 2 e 1 título, a citar importantes clubes como Nacional-URU e Boca Juniors, ambos com 2 taças. Por ironia do destino, o Grêmio viria a participar da copa de 83 com três dos cinco maiores clubes da competição, além do Flamengo de Zico, contra o qual havia perdido o polêmico Campeonato Brasileiro de 1982. (leia mais...)